O sucesso do futebol entre os brasileiros não é de graça! Ele é um exercício completo uma vez que os movimentos intensos e variados das corridas, chutes e giros ajudam a manter o corpo sempre saudável.

Por isso, é uma excelente forma de perder peso, manter a boa forma e combater o estresse e a ansiedade.

Alguns benefícios do futebol

Ajuda a emagrecer

Durante uma atividade como o futebol, o corpo todo precisa trabalhar em conjunto. Essa movimentação constante faz com que ocorra uma grande perda de calorias e queima de gordura corporal, ajudando a emagrecer. Durante uma hora de exercícios é possível perder de 450 a 600 calorias.

Previne diversas doenças e outros problemas de saúde

A prática frequente de esportes ajuda na prevenção de uma série de doenças. No caso do futebol, ele é ótimo contra problemas cardiovasculares, Alzheimer, pois trabalha concentração e raciocínio, e até algumas formas de câncer.

Fortalece os ossos

A quantidade de cálcio nos ossos de quem pratica esporte é maior em comparação aos que não praticam atividades físicas. Com isso, o futebol acaba prevenindo a osteoporose, doença muito comum em idosos que faz os ossos ficarem mais frágeis e propensos a fraturas.

Controla a TPM

O futebol é um esporte muito bom para mulheres. Além de prevenir a osteoporose, doença muito comum nas mulheres, o esporte também ajuda a controlar os sintomas da Tensão Pré-menstrual.

Cuidados quando praticar futebol

Para o médico Avimar de Oliveira Júnior, médico do time Atlético Goianiense, as lesões mais comuns no futebol estão localizadas nos membros inferiores, como entorse, lesão dos ligamentos articulares devido à distensão ou torção brusca, e distensões.

“Antes de começar a praticar futebol, é importante passar por uma avaliação médica e realizar exames laboratoriais, cardíacos e ortopédicos. Se a pessoa tiver uma artrose avançada nos joelhos, por exemplo, o futebol não é a escolha certa de exercícios”, explica.

Como se prevenir:

  • Realize exames pré-temporada;
  • Utilize caneleiras, elas previnem cortes e fraturas;
  • Verifique as condições do campo;
  • Hidrate-se;
  • Aprenda a escutar seu corpo: se sentir dores, batimento cardíaco irregular, batida na cabeça ou qualquer outro tipo de fratura, procure um médico.

Pratique o esporte por pelo menos 30 minutos, duas ou três vezes por semana, e mantenha o futebol na rotina!